top of page

Com alta na Selic e no preço das commodities, dólar acumula queda de 13% frente ao real

Com a alta da Selic que passou de 2% ao ano em março de 2021 para 11,75% ao ano em apenas 12 meses e o diferencial de juros em relação a outras economias, o Brasil se tornou uma opção interessante para o investidor estrangeiro.


Outros fatores que estão colaborando para a entrada de dólares na economia são o aumento dos preços das commodities no mercado internacional, acentuado pela guerra entre Rússia e Ucrânia e o final do pico da pandemia.


Rússia e Ucrânia são dois grandes produtores de commodities minerais e agrícolas como trigo, petróleo, alumínio e ouro, por exemplo.


Com essa grande entrada de investimentos estrangeiros, em 2022, o dólar acumula queda de 13,11% ante a moeda brasileira, o que deixa o real com a melhor performance global acumulada até o momento.


Conte sempre com uma consultoria experiente e com profissionais qualificados para obter as melhores soluções!!!


MLuz Consultoria

3 visualizações0 comentário

Commentaires


bottom of page